Conjuntivite em bebê, saiba como identificar e tratar

Como identificar e tratar a conjuntivite em bebê

A conjuntivite em bebê é caracterizada por uma inflamação da conjuntiva, uma 

membrana que reveste os olhos e as pálpebras, deixando os olhos do bebê vermelhos, 

lacrimejantes, com secreção e coceira.

O tratamento da conjuntivite no bebê deve ser orientado pelo oftalmologista ou 

pediatra e pode ser feito com colírios ou pomadas antibióticas, remédios anti-

histamínicos ou limpeza dos olhos com gazes umedecidas em água filtrada ou soro 

fisiológico, de acordo com o tipo de conjuntivite.

Na maioria das vezes a conjuntivite é facilmente controlada mas é importante levar o 

bebê ao pediatra porque, em alguns casos, ela pode levar à meningite.

Conjuntivite em bebê, saiba como identificar e tratar


O bebê pode ter conjuntivite devido a uma infecção por bactéria, sendo chamada de 

conjuntivite bacteriana, devido a uma infecção por um vírus, tendo o nome de 

conjuntivite viral ou devido a uma substância alérgena, sendo chamada de conjuntivite 

alérgica, sendo que a conjuntivite é facilmente transmissível de uma pessoa para outra, 

quando é causada por vírus ou bactérias.

Como tratar a conjuntivite em bebê


O tratamento para conjuntivite em bebê deve ser sempre orientado pelo oftalmologista 

ou pediatra e varia de acordo com o tipo de conjuntivite:

Conjuntivite bacteriana: colírio ou pomada antibiótica;

Conjuntivite viral: limpeza dos olhos com gazes individuais umedecidas em água 

filtrada, água mineral ou soro fisiológico, pois este tipo de conjuntivite geralmente 

tende a desaparecer naturalmente em cerca de 1 semana;

Conjuntivite alérgica: remédios anti-histamínicos e ou cortisona e evitar a substância 

alérgena causadora da conjuntivite.

A conjuntivite bacteriana pode causar complicações como meningite ou pneumonia, e 

por isso é importante seguir todo o conselho do médico para evitar estas complicações, 

garantindo a saúde do bebê.

O leite materno na conjuntivite em bebê é totalmente contraindicado porque não trata 

conjuntivite. Além disso, a água boricada também é totalmente contraindicada devido 

ao risco de intoxicação pelo ácido bórico.

O que fazer durante o tratamento da conjuntivite em bebê?

Durante o tratamento da conjuntivite infantil, é importante adotar alguns cuidados 

como:
Manter os olhos do bebê sempre bem limpos, utilizando lenços de papel descartáveis e 

sempre um novo para cada olho;
Seguir a forma de tratamento recomendada pelo médico;
Não levar o bebê para a creche ou para a escola enquanto os sintomas durarem;
Lavar o rosto e as mãos do bebê várias vezes ao dia;
Evitar abraçar e beijar o bebê;
Trocar a fronha do travesseiro e a toalha do bebê diariamente.

​​Estes cuidados são muito importantes porque evitam o contágio da conjuntivite de um 

olho para o outro do bebê e do bebê para outras pessoas.
Sintomas de conjuntivite em bebê
Os sintomas da conjuntivite no bebê ou no recém-nascido incluem:
  • Olhos avermelhados e irritados;
  • Olhos lacrimejando;
  • Olhos remelando muito, com muita secreção, que pode ser branca, espessa ou amarelada;
  • Coceira nos olhos;
  • Pequeno inchaço nas pálpebras e ao redor dos olhos;
  • Hipersensibilidade à luz;
  • Irritabilidade e dificuldade em comer;
  • Febre, principalmente no caso da conjuntivite bacteriana.

Estes sintomas podem estar presentes em apenas um olho ou nos dois olhos, sendo que 

geralmente quando estão presentes em ambos os olhos trata-se de uma conjuntivite 

alérgica. Porém, é muito importante a avaliação do bebê pelo oftalmologista para fazer 

o diagnóstico e orientar o tratamento de acordo com o tipo de conjuntivite.

Fonte: AQUI

22 comentários:

  1. Nossa não sabia que poderia levar a meningite se não for tratada corretamente a conjutivite. Bom saber!
    Bjs

    ResponderExcluir
  2. Muito chato, se em adulto,complicado ainda mais em crianças.
    ótimas suas dicas de como tratar a conjuntivite
    bjs

    ResponderExcluir
  3. Dá uma peninha!!Se nós que somos adultos já ficamos incomodados, imagine um bebê!!
    Ótimas dicas!

    ResponderExcluir
  4. A Luiza teve com menos de uma semana de vida, quase fiquei doida e já levei no médico e deu tudo certo graças a Deus!
    Adorei as dicas! Bjus

    ResponderExcluir
  5. Meu Deus, não sabia que poderia levar a meningite
    O que parece ser uma coisa simples , pode se torna um problema se não for cuidado como deve

    ResponderExcluir
  6. Muito bom saber, confesso que não sabia que bebe tinha conjuntivite, muito menos que poderia ter até uma meningite.
    Beijos

    ResponderExcluir
  7. Conjuntivite é horrível seja ela simples ou não
    incomoda e muito fico imaginando com os pequenos que
    coisa. Parabéns ótimas informações
    bjs

    ResponderExcluir
  8. Graças a Deus os meus nunca tiveram isso, e nem eu nunca tive, mas é super importante falar sobre esse assunto, muitas pessoas não conhecem ... ou desconhecem que pode dar em bebês ... Confesso que só vi em adultos, nunca vi em bebês!
    Ótimo post Shairane muito esclarecedor ...

    Bjos
    Minda =D

    ResponderExcluir
  9. oi!
    Nossa deve ser horrível Conjuntivite em bebê,se em adulto já é. Imagina na criança.
    Muito importante seu post, pois temos que alertar as mães para que fiquem de olho. Eu não sabia que bebês tinham conjuntivite.
    Bjo

    ResponderExcluir
  10. adorei o post
    é complicado ter um bebe adoentado em casa
    eu adorei saber como identificar para poder correr cedo para um medico ao identificar
    bjs
    http://clubedabelezaemaquiagem.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Tadinhos, deve ser horrível pra eles! Bom saber de tudo isso! Fica o alerta!
    Blog Mulher Virtuosa By Vany

    ResponderExcluir
  12. Se conjuntivite é chato em adultos nos bebês deve ser horrível.
    Muito informativo a matéria.
    Beijos
    www.beabadabeleza.com.br

    ResponderExcluir
  13. Já tive conjuntivite e foi péssimo pra um bebe deve ser pior, não sabia que a conjuntivite pode transformar em minigite.

    beijinhos

    ResponderExcluir
  14. Eu sempre ficava preocupada e se as crianças pegarem conjuntivite como eu vou lidar com isso? Mas eu aprendi e com os devidos cuidados eles ficavam bons logo carinho de mãe e atenção com orientações do pediatra e oftamo dá pra sair desta de boa. Beijos

    ResponderExcluir
  15. É uma coisinha bem chata, tive isso, porém não tão severa, fico pensando numa criança o que deve sofrer por nem entender o que se passa
    Ótimo post, esclarecedor e importante

    Beijos
    Rafael

    ResponderExcluir
  16. Ai meu Deus que judiação sou daquelas que acha que bebês não deveriam adoecer nunca, se a conjuntivite já doí em um adulto imagina em um bebê que não sabe falar não sabe reclamar.
    Adorei seu post viu muito esclarecedor as dicas então nem se fala acabei de indicar o link para 3 amigas mamães de primeira viagem se acontecer com elas pelo menos saberão o que fazer.

    Bjos

    www.blogdawanessacosta.com

    ResponderExcluir
  17. Garças a Deus minha irmã não teve. Mais e sempre bom ta informado, eu nunca que iria imaginar o que fazer se minha irmã tivesse ou ainda mesmo tiver. Mais graças a seu post vou saber o que fazer, parabéns e obrigada!

    ResponderExcluir
  18. Nossa que interessante não sabia dos procedimentos adorei beijos

    ResponderExcluir
  19. ai shai é horrivel minha pequena ja teve, otimo post, vc traz assuntos bem importantes e nos informando de tudo beijos

    ResponderExcluir
  20. Amei seu post, não sabia sobre a meningite , muito bem explicado.
    Bj
    http://blogsemprebelas.com/

    ResponderExcluir
  21. Minha bebe de 10 meses esta com conjuntivite em uma das vistas. Pegou de mim.tô tão triste.cuidei tAnto para não passar pra ela.to me sentindo péssima.

    ResponderExcluir
  22. Minha bebe de 10 meses esta com conjuntivite em uma das vistas. Pegou de mim.tô tão triste.cuidei tAnto para não passar pra ela.to me sentindo péssima.

    ResponderExcluir

Fico muito feliz com a sua visita e o seu comentário!!!
Volte sempre que desejar!!!
Beijocas

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...