Pressão alta na gravidez, como surge e quais sintomas?

Entenda um pouco mais sobre a pressão alta na gravidez e quais os sintomas

Olá pessoal, tudo bem???

Alguns dias atrás, fiz uma postagem sobre Diabetes gestacional e uma leitora do blog me 

pediu para falar sobre pressão alta na gravidez:
Entenda um pouco mais sobre a pressão alta na gravidez e quais os sintomas
Então a pedido da Beatriz Andrade e por achar que esse assunto é mega importante para

todos nós resolvi pesquisar mais sobre o assunto e colocar ele aqui para esclarecer

algumas dúvidas e deixar o alerta para as gravidinhas terem cuidado na gestação.

Entenda um pouco mais sobre a pressão alta na gravidez e quais os sintomas

​A pressão alta na gravidez surge quando a pressão arterial está acima de 140/90 mmHg, 

especialmente em mulheres que nunca tiveram aumento da pressão arterial, podendo 

causar dores na nuca, dor na barriga, visão embaçada ou inchaço do corpo.

As causas de pressão alta na gravidez podem estar relacionadas com uma 
alimentação 

desequilibrada ou malformação da placenta. Além disso, a mulher tem maior risco de 

ter pressão alta na gravidez quando está grávida pela primeira vez, tem mais de 35 

anos, é obesa ou diabética.

Normalmente, a pressão arterial na gravidez baixa na primeira metade da gestação, 

voltando ao normal ou podendo até subir ligeiramente na segunda metade da gravidez e 

mais perto do parto. Por isso, se a gestante tiver a pressão alta, principalmente depois 

das 20 semanas de gestação, deve consultar imediatamente o obstetra.

A pressão alta na gravidez pode ser perigosa, uma vez que pode levar ao 

desenvolvimento de pré-eclâmpsia, uma complicação grave que pode provocar o aborto 

caso não seja tratada adequadamente com alimentação equilibrada ou medicação.

Quais são os sintomas da pressão alta na gravidez??

>> Pressão arterial superior a 140/80 mmHg;
>> Dores de cabeça constantes, especialmente na nuca;
>> Dores fortes na barriga;
>> Visão embaçada e sensibilidade à luz;
>> Inchaço de partes do corpo, como pernas ou braços.

Na presença dos sintomas da pressão alta na gravidez é recomendado consultar o obstetra o mais rápido possível para iniciar o tratamento adequado e evitar complicações graves.

Como tratar a pressão alta na gravidez??

O que se deve fazer para tratar a pressão alta na gravidez é repousar bastante durante o 

dia, beber 2 a 3 litros de água por dia e fazer uma alimentação equilibrada com pouco 

sal ou alimentos industrializados, como embutidos, salgadinhos de festa ou batata frita.

Além disso, outras dicas que ajudam a baixar a pressão alta na gravidez incluem beber 1 

suco de laranja por dia, praticar exercício físico leve, como caminhada, yoga ou 

hidroginástica, 2 a 3 vezes por semana, e evitar beber mais do que um café por dia.

Porém, nos casos em que a pressão alta na gravidez não diminui com estes cuidados, o 

obstetra pode recomendar o tratamento com remédios para pressão alta. Já nos casos 

mais graves, a grávida pode ter de deixar de trabalhar ou ficar internada no hospital, 

evitando o desenvolvimento de eclâmpsia.

Quais são os riscos da pressão alta na gravidez??

A pressão alta na gravidez aumenta o risco de pre-eclâmpsia, uma doença que costuma 

aparecer a partir da 20ª semana de gestação e que, quando não é tratada, pode evoluir 

para eclâmpsia, causando convulsões, coma e até morte da mãe e do bebê.

Nos casos em que não se consegue baixar a pressão arterial, mesmo com os remédios 

prescritos pelo obstetra, o parto deve ser induzido para evitar o risco de morte.

Como deve ser a dieta para pressão alta na gravidez?

A dieta para pressão alta na gravidez deve ser pobre em sal, rica em ácido fólico, pois 

tem ação vasodilatadora, ajudando a baixar a pressão arterial, e rica em água, para 

evitar o acúmulo de líquidos e aliviar a pressão dentro dos vasos.

Uma das causas da pressão alta na gravidez pode ser o excesso de peso. 

Veja quantas quilos você deve engordar durante a gestação, clicando AQUI.

Então pessoal, o que acharam dessas informações???

Você teve pressão alta durante a sua gestação??? 

Eu graças a Deus não tive esse problema, mas morria de medo de ter.


Beijinhos e boa quarta - feira!

* informações e imagens retiradas da internet


26 comentários:

  1. Muito importante mesmo, no meu caso foi o contrário, minha pressão ficou muito baixa, tive vários desmaios, inclusive um na rua. ótimo tema a ser abordado!

    ResponderExcluir
  2. Nossa, tema muito importante. Conheço uma mãe que quase morreu porque não sabia que isso existia, não ligou para os sintomas (achou que era normal), e graças a Deus foi socorrida a tempo na eclâmpsia! Mas ficaram (ela e o bebê) na UTI por vários dias.
    Um beijo
    http://www.mamaeaprendiz.com/

    ResponderExcluir
  3. Importante esse post.
    Vi uma matéria sobre a obesidade na gravidez o que leva à pressão alta, né?
    O médico disse que é perigoso, que pode dar eclâmpsia.
    Muito esclarecer.

    aprovada! :)

    Beijos

    Mari do Like a Make
    http://www.likeamake.com

    ResponderExcluir
  4. MUITO IMPORTANTE O POST, POIS NA GRAVIDEZ DEVEMOS TOMAR MUITO CUIDADO!
    BJOS

    ResponderExcluir
  5. Assunto muito importante, na gravidez tudo tem que ser levado a sério, ótimas as dicas muito esclarecedoras, Shairane beijos.

    ResponderExcluir
  6. Eu morro de medo de pressão alta, sempre fico de olha na minha pq aqui em casa tem casos do lado paterno e materno. Imagino que na gravidez possa ser muito mais perigoso mesmo e não custa nada ficarmos de olhos. Adorei o post e os esclarecimentos :)
    Bjs

    ResponderExcluir
  7. nossa pressão é alta realmente é um caso muito serio na gravidez, e algo para ser muito bem cuidado e prevenido
    adorei seu post
    bjs
    http://clubedabelezaemaquiagem.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Post muito importante! A pressão alta é muito perigosa e as gestantes devem estar em alerta e se prevenir.
    Parabéns pelo post explicativo.
    Beijos
    http://omeletecomgeleiablog.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Super importante e temos que ficar atentas! ótimo post! bjo

    ResponderExcluir
  10. importante na real,muitas gravidas tem e não entendem ao pe da letra oque quer dizer,parabens pela postagem!!

    ResponderExcluir
  11. Post super importante. Esclarecedor e direto. As gravidas devem fazer o pré natal corretamente pois é através dele que esses sintomas são diagnosticados
    BJKS

    ResponderExcluir
  12. nossa esse post foi mega impostante pra mim, tanta coisa que eu não sabia.

    beijinhos
    falaseriorah.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  13. Todo cuidado e controle durante a gravidez se faz necessário, assim como logo após o parto, pois não só os bebes precisam de atenção não é verdade?
    Parabéns pelo post, muito bem explicado

    Beijos
    Rafael

    ResponderExcluir
  14. Esse é um assunto muito importante para ser abordado, eu ainda não sou mãe mas tinha algumas duvidas. Gostei do post, parabéns!!

    Bjo

    ResponderExcluir
  15. Principal causa de morte materna no Brasil, a pressão alta.
    Ela é capaz de causar complicações tanto para a mãe quanto para o bebê.
    Em Abril do ano passado minha filha teve seu bebe prematuro por causa da pressão alto. Foram momentos horríveis que passamos,o médico ñ sabia quem salvar ela ou o bebê. Enfim as duas estão conosco.
    Muito importante esse post,eu diria que de auto ajuda.
    Bjsss

    ResponderExcluir
  16. Eu sempre tive pressão baixa então vivia querendo desmaiar rsrs
    Mas sei o quanto é perigoso a hipertensão na gravidez, e por isso é de suma importância que a futura mamãe seja acompanhada por um obstetra ..
    Ótimo post Shairane!

    Bjos
    Minda

    ResponderExcluir
  17. Post super esclarecedor para as mamães grávidas!
    Sou enfermeira e assino em baixo sobre tudo que você falou.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  18. Pressão alta é um problema sério demais, toda gravidinha tem que ficar de olho mesmo, todo cuidado é pouco desde a gravidez, amei seu post, super esclarecedor. bjs

    ResponderExcluir
  19. Minha pressão sempre foi para baixa, mas na gestação do Samuel tomei um baita susto na última semana com a pressão alta. Beijos

    ResponderExcluir
  20. Acompanhamento materno é fundamental não consigo entender como tem mulheres que não faça pre natal e um bom acompanhamento. Dicas super úteis de cuidado para mãe e para o bebê. Beijos

    ResponderExcluir
  21. Oiii. Tudo bem?
    Vida de grávida é uma loucura né. Bagunça todo o organismo, mas no fim tudo compensa.
    Amei o post, Parabéns.
    ♡ bjs da Mary♡
    http://leiturasdamary.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  22. Oiii. Tudo bem?
    Vida de grávida é uma loucura né. Bagunça todo o organismo, mas no fim tudo compensa.
    Amei o post, Parabéns.
    ♡ bjs da Mary♡
    http://leiturasdamary.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  23. Ainda não sou mãe, mais é muito bom ter essas informações para me preparar.. Excelente post.

    www.fikesperta.com

    ResponderExcluir
  24. super importante - excelente post! passando pra desejar um feliz restinho de domingo e uma semana de muita luz!! bjs

    ResponderExcluir
  25. OI flor, muito importante mesmo gostei do post, minha prima sofreu de pressão alta na gravidez ate ficou em coma por 8 dias, parabens pelo post bjs

    ResponderExcluir
  26. Cuidado para não comer doces e tomar refrigerantes em excesso. Costuma causar também sintomas como pressão alta.bastante cuidado

    ResponderExcluir

Fico muito feliz com a sua visita e o seu comentário!!!
Volte sempre que desejar!!!
Beijocas

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...